logotipo Melhor do Vôlei
Especiais

Autor Júnior Barbosa Data 05/02/2021 09:14

Copa Brasil: Dentil/Praia Clube busca o inédito título

Jineiry Martinez durante treinamento. (
Foto: William Lucas/Inovafoto/CBV)

Em busca de uma conquista inédita, a equipe Dentil/Praia Clube viajou nesta quinta (4) para Saquarema (RJ). No Centro de Desenvolvimento de Voleibol (CDV), o grupo comandado pelo técnico Paulo Coco enfrenta o Osasco São Cristóvão Saúde (SP) pela semifinal da Copa Brasil Feminina 2021. O clássico nacional será disputado na sexta, 5 de fevereiro, às 21h30, com transmissão ao vivo do SporTV 2.


No ‘QG’ do voleibol brasileiro, o Esquadrão Aurinegro buscará o 8º troféu em nível nacional. Até o momento, a equipe praiana tem as seguintes taças: Troféu Super Vôlei 2020, Supercopa 2018/2019/2020, Superliga 2017/2018 e Liga Nacional 2008/2010.


O técnico praiano comentou sobre o duelo diante do tradicional oponente. “O time do Osasco tem alto poder ofensivo, muito forte no ataque. Há anos, a oposta Tandara tem sido uma das referências de ataque no país. Ela faz muitos pontos e precisamos marcá-la muito bem. O adversário tem um equilíbrio muito grande, com Gabi Cândido, Jaque e Taynara na ponta, muitas opções, e um bloqueio forte. A Mayane vem se destacando, tem a Bia também. O Osasco jogou bem a primeira parte da Superliga, ganharam da gente em Uberlândia, agora é outro momento”, analisou Paulo Coco.


Para avançar à decisão, a ordem do comandante é sacar bem para minimizar o poderio de ataque da agremiação da Grande SP. O fundamento tem sido um dos pontos fortes da equipe nas últimas partidas da Superliga. “Precisamos pensar no nosso jogo, principalmente aumentar o nosso sistema defensivo. Primeiro temos que sacar muito bem, para minimizar o ataque e ter equilíbrio no nosso side out”, finalizou.

Confira outras notícias

Apoio

Parceiro