logotipo Melhor do Vôlei
Especiais

Autor Júnior Barbosa Data 19/12/2020 21:17

Jaqueline comanda novo triunfo do Osasco

Ponteira com o troféu VivaVôlei. (
Foto: CBV)


Osasco São Cristóvão Saúde derrotou o São Caetano por 3 sets a 0, parciais de 25/x14, 25/21 e 25/18, em 1h26min na noite deste sábado (19), pela décima rodada do primeiro turno da Superliga 2020/21. Com o resultado, a equipe do técnico Luizomar segue na vice-liderança da competição, empatada em número de pontos com o Itambé Minas. Na última rodada da fase inicial da competição nacional, a equipe osasquense encara o Pinheiros, na quarta-feira (23), no ginásio José Liberatti.

“Jogar em São Caetano nunca é uma tarefa simples. Mesmo elas tendo um time jovem, lutaram até o final e valorizaram a nossa vitória, que foi muito importante. Conquistamos os três pontos e seguimos na luta pela liderança da Superliga. Foi bom também que jogadoras como a Amanda, Karyna e Ana Medina tenham tido a oportunidade de entrar em quadra e começar a ganhar ritmo de jogo. A nossa força é do grupo e é importante ter todas as atletas prontas para entrar e contribuir”, disse Camila Brait, eleita a MVP da partida pela torcida, nas redes sociais do clube. O troféu VivaVôlei ficou com Jaque e a maior pontuadora foi a oposta Tainara, com 17 acertos.

O jogo - O São Caetano tentou segurar Osasco no início do Jogo. Com muita disposiçãoo, conseguiu prolongar ralis, como o que durou 44 segundos e terminou com ponto de Bia na China. Mas o maior volume de jogo osasquense se impôs a partir do 12/9, após bloqueio de Bia e Tainara. A dupla voltou a montar o paredão no 14/8 e a equipe visitante foi abrindo. Mayany, em um ataque rápido pelo meio, fez 20/13 e saiu de quadra para dar lugar para Karyna Malachias, Na sequência, Luizomar também colocou Ana Medina para ganhar ritmo. No final, um toque na rede em ataque de Tainara decretou os números finais: 25/14.

O segundo set foi mais equilibrado. Aproveitando alguns momentos de instabilidade da equipe osasquense, São Caetano conseguiu encostar, empatar e até liderar o placar no 18/17. Mas, no final da parcial e após dois pedidos de tempo de Luziomar, Osasco retomou o ritmo. Com três pontos seguidos de Jaque – dois ataques e um bloqueio – abriu 22/18. Tainara, em ataque do fundo, garantiu o set point. A vitória veio com uma bola de segunda de Roberta: 25/21.

Quando Tainara atacou da saída de rede, o placar no terceiro set já estava em 15/9. A parcial foi tranquila para Osasco e Ana Medina, que havia acabado de entrar, fez 21/13 na bola de xeque. Tainara, em mais uma bola de xeque, fez o match point: 24/17. A oposta, que substitui Tandara, em recuperação após contrair Covid-19, deu números finais ao set: 25/18 e a partida: 3 a 0.

Osasco São Cristóvão Saúde: Roberta (1), Tainara (17), Jaque (11), Gabi Cândido (13), Mayany (7), Bia (6) e a líbero Camila Brait. Técnico: Luizomar. Entraram: Karyna (1), Amanda, Ana Medina (1).

São Caetano: Maynara (1), Lia (8), Bruna (6), Mariana Blum (12), Giulia (4), Letícia (2) e a líbero Laís. Técnico: Fernando Goes. Beatriz (3), Karyssa (1).

Confira outras notícias

Apoio

Parceiro