logotipo Melhor do Vôlei
Especiais

Autor Júnior Barbosa Data 20/07/2017 12:45

Mundial Sub-20: revés deixa brasileiras sem chance de pódio

Brasileiras são superadas pela seleção turca e não têm mais chance de medalha (
Foto: Divulgação/FIVB)


A seleção brasileira sub-20 feminina não conseguiu um resultado positivo no Campeonato Mundial da categoria na madrugada desta quinta-feira (20.07). A equipe dirigida pelo técnico Hairton Cabral, que havia vencido os três primeiros jogos da competição, acabou superada pela Turquia por 3 sets a 1 (19/25, 25/23, 19/25 e 18/25), em 1h44 de partida. O Mundial acontece em Córdoba, no México.

O Brasil começou o jogo com a levantadora Jackeline, a oposto Tainara, as centrais Diana e Karyna, as ponteiras Glayce Kelly Karina, além da líbero Nyeme. Tainara foi a maior pontuadora da partida, ao lado da turca Tugba, com 14 acertos cada uma. Outros destaques da seleção brasileira na pontuação ficaram por conta de Glayce Kelly, que marcou 11 pontos, e Giovana, que entrou no segundo set e pontuou 10 vezes.

A equipe brasileira teve um grande início de Campeonato Mundial. Na partida de estreia, venceu os Estados Unidos por 3 sets a 1, no dia seguinte bateu a Sérvia por 3 a 1 e no terceiro jogo levou a melhor sobre Cuba por 3 sets a 2. Depois de uma viagem para mudança de sede, indo de Boca Del Rýo para Córdoba, a equipe foi superada pela Polônia, por 3 a 0, e desta vez pela Turquia, por 3 a 1.

Após os cinco resultados, o Brasil não tem mais chance de brigar por uma medalha. “A Rússia tem duas vitorias, a Turquia e a Polônia têm uma vitória cada uma e vão se enfrentar hoje, ou seja, um time vai passar a ter dois resultados positivos também. Nós vamos enfrentar a Rússia ainda e depois jogar contra os times do outro grupo para, em seguida, fazer a disputa de quinto lugar”, explicou Hairton Cabral.

O treinador lamentou o resultado, mas chama atenção para a importância de seguir na disputa por uma boa colocação no Mundial. “Realmente não deu. Depois de uma primeira fase muito boa, quando terminamos em primeiro, viemos para outra cidade e não conseguimos manter o mesmo padrão. Caímos de produção, sem manter a mesma regularidade e agressividade que tivemos no primeiro momento. Agora vamos brigar pela melhor colocação possível, que é a quinta colocação”, afirmou Cabral.

O técnico da seleção brasileira ainda salientou o equilíbrio que, assim como acontece entre as seleções adultas, está sendo visto também nas categorias de base.

“Boa parte das meninas do Brasil são nascidas em 1999, ou seja, um ano mais novas do que a categoria permite, e temos que destacar que foi dado um passo importante nesta geração em relação ao Mundial passado. De certa forma, fico satisfeito por termos deixado equipes importantes para trás, como a Itália, que foi campeã da categoria, a República Dominicana, que tem muita tradição, Sérvia, que é uma das finalistas do Campeonato Europeu”, concluiu Hairton.

MUNDIAL SUB-20 FEMININO

Grupo A – México, Rússia, Egito e Bulgária

Grupo B – República Dominicana, Peru, China e Polônia

Grupo C – BRASIL, Sérvia, Cuba e EUA

Grupo D – Japão, Itália, Turquia e Argentina

TABELA GRUPO C

14.07 (SEXTA-FEIRA) BRASIL 3 x 1 USA – (25/10, 25/12, 24/26, 25/22)

15.07 (SÁBADO) BRASIL 3 x 1 Sérvia – (25/13, 25/21, 23/25, 25/22)

16.07 (DOMINGO) BRASIL 3 x 2 Cuba – (23/25, 22/25, 25/9, 25/20 e 15/13)

TABELA GRUPO E

18.07 (TERÇA-FEIRA) BRASIL 0 x 3 Polônia – (14/25, 18/25 e 23/25)

19.07 (QUARTA-FEIRA) BRASIL 1 x 3 Turquia – (19/25, 25/23, 19/25 e 18/25)

20.07 (QUINTA-FEIRA) BRASIL x Rússia – às 22h (horário de Brasília)

 

 

Já conferiu as promoções de camisas de vôlei na FutFanatics? Corre lá

Confira outras notícias

Apoio

Parceiro